PUBLICIDADE
Segunda-feira, 1 de Setembro de 2014

Polícia investiga acidente na Jaú-Bocaina

postado  Postada em 27/06/2013  
A Polícia Civil de Jaú investiga o acidente que matou no último sábado uma pessoa na Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-255), que liga Jaú a Bocaina. A informação é do delegado Luciano José Prado de Almeida Pacheco, do 2º Distrito Policial (DP) do Município.
Conforme o Comércio noticiou no domingo, motorista de Fiat Palio preto, com placa de Matão, morreu carbonizado após colisão frontal com ônibus. Uma das suspeitas é de que a pessoa morta no acidente seja Fernando Marcelo da Matta Oliveira, acusado de ter atirado contra sua ex-esposa, em Matão, horas antes do acidente.
Como a vítima do acidente não pôde ser identificada, será feito exame de DNA. A mãe de Fernando realizou coleta de sangue no Instituto Médico Legal (IML) de Jaú para comparar o material genético com o de um dente extraído do motorista morto no sábado. Segundo Pacheco, o resultado deverá ser emitido em prazo de 40 a 60 dias.
“Independentemente do exame de DNA, será instaurado inquérito para investigar o acidente. A mãe acredita que a vítima seja mesmo o Fernando e confirmou que o filho comprou um Palio preto cerca de 15 dias atrás”, afirmou o delegado. O veículo estava registrado no nome de outra pessoa.
Pacheco disse que o advogado da família de Fernando cogita a possibilidade de suicídio. A tentativa de homicídio ocorrida em Matão será investigada pela polícia daquela cidade. Motorista e passageiros do ônibus não se feriram no acidente.
A vítima atropelada no Jardim Padre Augusto Sani no sábado permanece internada na Santa Casa de Jaú em estado grave, de acordo com informação da assessoria de imprensa do hospital. Conforme o Comércio divulgou, o catador de material reciclável Marcos José Bussolan sofreu atropelamento na Avenida Alfeu Fabris.
Segundo o boletim de ocorrência, o condutor de Chevrolet Chevette, jovem de 22 anos, dirigia no sentido bairro-Centro da via quando passou por buraco, perdeu o controle do veículo e atropelou Bussolan. Ele foi levado à Santa Casa pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). (MO)
Avaliar a notícia:  
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE