...
PUBLICIDADE
Matheus Orlando 26/08/2014

Campeão jogou no XV de Jaú

  
Marcos é considerado um dos maiores ídolos da história do Palmeiras: campeão na Libertadores em 1999 Divulgação

Nascido em Campinas, o goleiro Inocêncio Antonio Periscinotto atuou como goleiro de XV de Jaú, Palmeiras e Flamengo durante as décadas de 1950 e 1960. Estava no time da capital paulista quando o Palmeiras conquistou a Copa Rio de 1951.

O torneio, disputado no Brasil, reuniu algumas das melhores equipes do futebol internacional na época, e é considerado pelos palmeirenses o primeiro título mundial de clubes. O feito, entretanto, não é oficializado. Existe a expectativa de que a Fifa anuncie hoje o reconhecimento da vitória.

Para erguer a taça, o Palmeiras precisou superar Nice (França), Juventus (Itália) e Vasco. Inocêncio, no entanto, era reserva dos arqueiros Oberdan Cattani e Fábio Crippa. Vítima de câncer, Periscinotto morreu em 1996, aos 66 anos. “Seria um orgulho para nós (o reconhecimento)”, afirma a aposentada Elizon Periscinotto, 77 anos, esposa do ex-jogador e moradora de Jaú.

 COMENTÁRIOS