...
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
19/05/2017

Irã vai às urnas nesta sexta

PUBLICIDADE

Cerca de 55 milhões de iranianos, dos 79 milhões, escolhem nesta sexta-feira o presidente do país em uma eleição tida como referendo sobre o acordo nuclear firmado entre Teerã e o Ocidente em 2015. Negociado pelo presidente moderado Hasan Rowhani, 68 anos, o pacto que levantou as sanções econômicas ao país em troca da redução de seu programa nuclear é defendido pelo candidato à reeleição como o caminho que permitiu revigorar a economia. Apesar da queda na taxa de desemprego – Rowhani assumiu com o índice em 15% e hoje está em 10% - os iranianos sentem que a promessa de melhora econômica ainda não se concretizou. Em artigo no site do Conselho Nacional Iraniano-Americano, o analista Reza Marashi aponta que a “dignidade econômica é talvez a prioridade de eleitores de todas as idades”. O desemprego entre os jovens chega a 30%. Desde a assinatura do acordo nuclear com as potências ocidentais, em julho de 2015, empresas voltaram a investir na república islâmica. Rowhani tem a seu favor o histórico eleitoral: desde 1981, todos os presidentes candidatos se reelegeram. Mesmo tendo avançado pouco em direitos humanos, Rowhani é visto como a melhor opção pela esquerda reformista. (Folhapress)

 COMENTÁRIOS