...
PUBLICIDADE
11/10/2018

Trio protagoniza "Tudo por um Pop Star"

Maisa Silva, Mel Maia e Klara Castanho estão na produção nacional baseada no livro de Thalita Rebouças

  
Babete (em pé) vai ajudar garotas a participar do show da Slava Body Disco Disco Boys Divulgação

Mais um livro da escritora Thalita Rebouças, 43 anos, estreia hoje, em 400 salas de cinema de todo o País, incluindo Jaú. Depois de ver títulos como "É Fada" e "Fala Sério Mãe" serem adaptados, a autora queridinha dos jovens convocou as atrizes mirins Klara Castanho, 18 anos, Maisa Silva, 16 anos, e Mel Maia, 14 anos, para atuarem no longa "Tudo por um Pop Star".
Melhores amigas e fãs da banda americana Slava Body Disco Disco Boys, Manu (Klara Castanho), Gabi (Maisa Silva) e Ritinha (Mel Maia) ficam desesperadas quando descobrem que os músicos farão um show no Rio de Janeiro.
Como moram no interior do Estado, elas armam muita confusão para conseguir convencer seus pais de que têm de ir ao "show mais importante de suas vidas".
O trio de amigas toma conta do filme, ao lado de Babete (Giovanna Lancellotti), a prima avoada e mais velha de Manu, que ajuda as três a completarem a missão. Apesar do tom juvenil, a história diverte com bons diálogos e cenas musicais.
"A essência do livro continua a mesma, mas, como foi publicado em 2003, incluímos cenas com o uso do celular e das redes sociais. O Felipe Neto, por exemplo, vive um youtuber na história", conta Thalita Rebouças, citando o ator que também é youtuber na vida real.

Amigas

É a primeira vez que as três atrizes mirins, talvez as mais conhecidas do País, trabalham juntas e a convite de Thalita. "Elas se transformaram nas personagens do filme. Como na ficção, tornaram-se grandes amigas", conta a escritora.
Maisa Silva, que fez novelas no SBT, comenta a parceria com Klara Castanho e Mel Maia, que só estiveram em novelas da Globo. "Aprendi muito com a Klara e a Mel, que são dois monstros da atuação. Estou apenas começando", avalia Maisa.
Autora do livro, Thalita também assina o roteiro. E teve ajuda do namorado, o produtor musical Daniel Lopes, para criar canções para a banda inventada por ela. (Folhapress)

 COMENTÁRIOS