...
PUBLICIDADE
06/01/2019

Haddad e Bolsonaro batem boca na web

  

Quatro dias após assumir a Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL) voltou a bater boca em redes sociais ontem com o seu principal adversário da campanha eleitoral, Fernando Haddad (PT).
Bolsonaro respondeu a críticas do petista feitas na internet e o chamou de “marmita” e de “fantoche de presidiário”, em referência ao ex-presidente Lula.
“Haddad, o fantoche do presidiário corrupto, escreve que está na moda um anti-intelectualismo no Brasil. A verdade é que o marmita, como todo petista, fica inventando motivos para a derrota vergonhosa que sofreram nas eleições, mesmo com campanha mais de 30 milhões mais cara”, publicou Bolsonaro.
Na noite de sexta-feira, o candidato derrotado do PT à Presidência havia postado em seu perfil um artigo de um jornalista alemão que vive no Brasil tratando de anti-intelectualismo. Nos últimos dias, o petista também havia criticado o reajuste abaixo do previsto do salário mínimo pelo novo governo, as mudanças na Funai e insinuou que o imbróglio envolvendo o aumento do IOF mostrou o motivo pelo qual Bolsonaro não participou de debates no segundo turno. (Folhapress)

 COMENTÁRIOS